quinta-feira, 26 de maio de 2011

Qual o Sentido da Vida?

Qual o sentido da vida?
46 por cento das pessoas que moram nos EUA em uma pesquisa disseram que se encontrassem Deus e pudessem fazer apenas uma pergunta perguntariam, "Qual é o sentido da vida?"

A maioria das pessoas busca apenas a sobrevivência.

Um cientista chamado Abraam maslow fez uma pesquisa e ficou constatado que as pessoas buscam coisas ligadas a sobrevivência. Mas a bíblia desmonta essa hierarquia de necessidades por que Jesus disse para nos não nos preocuparmos com essas coisas por que nosso pai celeste sabe que nós precisamos dela.

Mateus 6: 33 - buscai em primeiro lugar o reino de Deus e sua Justiça e as demais coisas serão acrescentadas.

Esse é o verdadeiro sentido da vida.

O que é o reino de Deus?
O que é a justiça?

O reino de Deus é o governo do Espírito Santo,e a bíblia diz que o reino de Deus quando nascemos de novo está dentro de nós.

por que?

Por que o Espírito santo está dentro de nós e a justiça fala da retidão em relação a constituição do reino. Ou seja os princípios da palavra de Deus.

Jesus não mandou nós orar para sair dessa terra ele mandou nos orar assim, "venha a nós o teu reino seja feita a tua justiça."

por que?

Por que o objetivo de Deus é que o reino dele se expanda sobre toda a terra, e nos somos seus embaixadores.

O objetivo e o sentido da vida dos cristãos é o crescimento do reino de Deus na terra.

Para o cristão ser feliz ele precisa estar debaixo do governo do Espírito Santo...e precisa se adequar a constituição do reino.

Quem não tem para que morrer, não merece viver. Não importa o sofrimento e o prazer. O que importa é que a vida tenha um sentido.

A vida é bela, quando esta se torna significativa.






segunda-feira, 9 de maio de 2011

A Certeza da Salvação


Quando somos salvos, devemos ter a certeza. Caso contrário, como podemos ser testemunhas de Cristo? A Bíblia fala positivamente, não gagueja. Quando lemos, adquirimos segurança e ficamos com certezas.

Martinho Lutero disse: "O Espírito Santo não é nenhum céptico". Ele não escreve dúvidas. As promessas de Deus são "SIM e AMÉM" e não, não e talvez.

Quando um tremor de terra abalou a prisão de Filipos e também sacudiu o carcereiro o homem clamou: " que devo fazer para ser salvo?" Paulo não disse: "Qual tua opinião? Tens alguma idéia? Ele fez uma declaração muito firme de fato em "Atos 16:31: Crê no senhor e serás salvo." O evangelho é uma mensagem de Deus e não uma opinião cristã, não é uma sugestão.

Alguns argumentam que é uma presunção declarar que somos salvos, mas isso é falsa modéstia olhando para a Bíblia.

Temos de nos arrepender e Crer! quando nos arrependemos e Cremos e vimos ao Senhor e Salvador Jesus Cristo, Ele nos recebe e somos purificamos com seu precioso sangue!
"Aquele que vir a mim não o lançarei fora" (João 6:13).

A Salvação é absoluta e completa. É tão ridículo pensar que Jesus nos aceita e recebe mas não quer que que saibamos! De fato Ele não manteria essa certeza afastada de nós esta afirmação é comprovada por outro versículo bíblico!

"É o próprio espírito que testifica com nosso espírito que somos filhos de Deus." (Rm 8:16).



sexta-feira, 6 de maio de 2011

Aveia Quaker


Henry P. Crowell contraiu tuberculose quando menino e não podia ir à escola. Depois de ouvir um sermão de Dwight L. Moody, o jovem Crowell orou:

Eu não posso ser pregador, mas posso ser um bom empresário. Deus, se o Senhor me deixar ganhar dinheiro, vou usá-lo em Seu serviço”. Sob o conselho de seu médico, Crowell trabalhou ao ar livre durante sete anos, e recuperou a saúde.

Ele então comprou um moinho velho em Ravenna, Ohio. Dentro de dez anos a Aveia Quaker era uma palavra familiar para milhões de pessoas. Crowell também operou uma empresa de fogões com muito sucesso.

Por mais de 40 anos, Henry P. Crowell deu fielmente de 60 a 70% de sua renda para Deus, tendo começado a dar dízimo de 10% inicialmente.

Ainda hoje, desde 1901, a Aveia Quaker é líder de mercado. A companhia fatura mais de 10 bilhões de dólares por ano.

Preparados para a Grandeza


Deus nos criou para sermos gran­des. E ainda hoje ele quer nos abençoar com a grandeza.

Infelizmente, porém, nem todos estão preparados para a grandeza.

E comum encontrarmos pessoas vivendo numa grande adversidade financeira e ainda assim se mostran­do arrogante. Estão numa situação de dependência, de dívida, de rece­ber ajuda, e são orgulhosas, iradas, transtornadas. Se, nessa condição, pobres, devendo, envergonhadas, elas se exaltam, se envaidecem, podemos imaginar se tiverem dinhei­ro. Já pensou alguém assim rico?

Se uma pessoa briga por causa de uma camiseta barata, já pensou se ela tiver vinte blusas de grife? Já pensou?

A verdade é que há pessoas a quem Deus não pode engrandecer, pois não estão preparadas para a grandeza.

Se queremos a grandeza precisamos estar preparados.

Quem se Humilha será exaltado e quem se exalta será Humilhado. (Mateus 23:12).